Seguidores

sábado, 18 de julho de 2009

Fui atrás de você no deserto



Fui atrás de você no deserto


Longe, muito longe,
Caminhos distantes percorri.
Sol quente, dunas e mais dunas...
Onde eu estava?


Cansada, com sede... Apavorada.
Medo?
Dunas, mais dunas, camelos, serpentes...
Nem sinal... Se não estas no Saara,
Onde está?


Estou desolada, essa imensidão...
Me aflige a alma e o coração.
Tempestade de areia,
Somente nos olhos...
Que por um tempo não via...
Não sentia, não entendia...
Só te amava...


Não é uma miragem!
Oásis existe sim...
Fui atrás de você no deserto,
Agora venha até mim...
Deixe-me saber que você me quer,
Tanto quanto eu o quero.


Te procurei no deserto,
Não precisava ir tão longe,
Dunas, Dunas... Só dunas.
E te encontrei aqui... Perto, tão perto.


No deserto do meu coração,
Surgiu como por encanto um Oásis,
Onde nos deliciamos,
Tâmaras, beijos, beijos, tâmaras.


Débora F.