Seguidores

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Era uma vez

Era uma vez

Um coração ferido, caminhando solitário por vales desconhecidos.
Ao longe outro coração, este comunicando melodias de amor.
Sua escolha estava feita. Dois corações em sintonia.
Um coração, ainda doente pelo medo, o outro, a cura perfeita.
No ar o clima do desejo, febre da atração.
Um encontro repentino, duas almas entrelaçadas ao anseio.
Herdeiros do desejo...
A beleza imaculada do momento, emociona, comove.
Sentimentos vividos, tornando-os prisioneiros do amor.
O gosto das lágrimas se envolve à pele,
como se fosse as águas do imenso oceano.
Um amor em meus braços, lágrimas no paraíso.
Paixão indomável, amor compreensivo.
Ele, ela... Cativos da paixão. Irresistível!
Um último desejo?
Desejo sem fim...
Era uma vez?
Outra vez.

_Débora Francischini_
"Um coração, outro coração... Solidão!
Dois corações em um só coração! Ele & Ela?
Não!
Nós." _Débora Francischini_

Crédito da imagem: Google